Sexta-feira, 17 de Julho de 2009
Encontro Artémis

Ontem conheci e revi pessoas que são verdadeiras guerreiras.

Encontrámo-nos no Forum Montijo e ali ficámos durante algumas horas a partilhar as nossas mágoas, as alegrias e as esperanças a que cada uma se agarrou para superar a dor de perder um filho antes mesmo de nascer. Também se disseram alguns disparates porque também faz parte... e quando se juntam muitas gajas!!!... Mas é bom, além de nos divertir, também corta o ritmo pesado que a conversa às vezes toma.

Tive o prazer de conviver com meninas que, depois da perda dos seus bébés, estão novamente grávidas e são realmente a prova de que se pode voltar a sonhar e nunca se deve perder a esperança. Uma dessas meninas é, para mim, a mais especial, porque já era amiga e casada com um grande amigo. Falo da Carina, que perdeu o Tiago e agora está asiosa à espera que nasça o Afonso.

Também o Filipe lá apareceu com a sua mana. É realmente um grande amigo e provou ser um homem de coragem pois, contrariando a maioria dos homens que evitam falar no assunto e preferem esconder os seus sentimentos, ele dá a cara por esta Associação.

Na mesma situação que eu, estava uma menina, a Rute, que perdeu o seu bébé cerca de 15 dias depois de eu ter perdido a Matilde. Estamos as duas no mesmo barco e a passar um período bastante difícil, mas acredito que, com a ajuda dos amigos, da família e da Artémis, um dia possamos voltar a sonhar e a sorrir como antes.

Tivémos a presença do Vasco que, com apenas 2 anitos, só podia mesmo ser lindo e uma força da Natureza sendo filho da Sandra Almeida e tendo a irmã Mónica no céu a olhar por ele.

Finalmente, temos a Joana, que não tendo perdido um filho, perdeu um sobrinho, o Tiago. Pois é, a Joana é irmã da Carina, uma irmã que todos gostavam de ter, uma irmã que sofre a perda de um sobrinho como nenhuma outra que eu conheço, uma irmã que se dedica de corpo e alma a esta Associação.

Hoje faz 2 meses que a Matilde partiu e o dia de ontem ajudou-me a encarar esta data como mais um dia que terei de ser forte e tentar superar esta dor apoiando-me em quem gosta realmente de mim.


tags:

publicado por nuvemm às 10:56
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Juanitta a 28 de Agosto de 2009 às 10:59
Minha querida Vanda,

Obrigada pelas tuas palavras... Na verdade, vocês são mamãs especiais e é assim que gosto que vos olhem. Nunca olhei para a minha mana com pena, pelo contrário quis sempre que ela soubesse que podia falar comigo sobre o Tiago, sobre o que lhe ia na alma, que eu ia ouvi-la. (Chegámos a estar a beber uma caipirinha no Comporta Café e a chorar que nem 2 madalenas!) Confesso-te que o facto do Filipe estar sempre presente e não se inibir de desabafar, ajudou-a também muito!
Mais tarde percebi que se me limitasse a ouvir outras mulheres que perderam os seus filhos na gestação, podia ajudá-las numa espécie de homnagem ao Tiago. É apenas isso que tenho feito. Vanda, querida, muitas vezes a familia não sabe lidar com este tipo de dor e o que espero é que o meu exemplo sirva para saberem que nós, familiares, somos de uma importância extrema em todo este processo de luto e novas vivências.
Querida amiga, estou aqui sempre! E tal como te disse, a partir do momento em que partilhaste connosco a história da tua Matilde, trouxeste-a ao meu coração.

Um beijo grande e acredita que existem mesmo milagres!


Comentar post

.mais sobre mim
Daisypath Anniversary tickers
.posts recentes

. Petição

. O tempo que passa

. Cansada

. Amor

. Loucuras de adolescentes

. Ponto da situação

. Longe da Cibernáutica

. Passeio mágico

. ...............

. Depois de um dia mau vem ...

.arquivos

. Abril 2012

. Agosto 2011

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

.tags

. todas as tags

.As minhas pinturas
.Pessoal que aqui passa
Contador de visita
Usuários online
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds